Marcos Costa

Marcos Costa é formado pela Sociedade Brasileira de Coaching em Coaching Pessoal e Profissional.

Atua também como Coach Musical, com cantores e instrumentistas, além de trabalhos com produção musical, arranjos, direção musical em shows e trilhas para teatro.

Além de Coach, é professor de música desde 1992 e sócio diretor do Centro de Cultura Musical em Divinópolis – MG.SBCoaching - Brasao de Membros

Marcos Costa

O que é Coaching?

Já imaginou um processo que o leve a realizar seus objetivos de forma organizada, consciente e que ainda por cima faz com que você se conheça melhor, elevando sua auto estima e sua vontade de vencer?

Esse processo existe! É  o Coaching!

Em tempos de informação rápida e em grandes volumes, nosso pensamento, se não disciplinado, fica difuso e temos uma grande tendência a procrastinação, atrapalhando nossas metas e nos tirando do foco.

O processo de Coaching, nos faz enxergar com muito mais clareza o caminho a percorrer, nos dando ferramentas de autoconhecimento, de melhor administração do tempo, de estabelecimento de prioridades para alcançarmos nossos objetivos.

É uma bela parceria entre Coach (Profissional) e Coachee (Cliente) na busca de melhores resultados.

O que não é Coaching?

Para um melhor aproveitamento e consequente alcance de resultados no Coaching, precisamos deixar claro o que não fazemos:

Não é Consultoria – pois não ensinamos o que o Coachee deve fazer. Através das ferramentas e questionamentos, vamos achar quais as melhores soluções para os desafios que surgem no caminho;

Não é Mentoring – não somos mentores passando nossa experiência, mas fazemos com que cada um retire das experiências que tem, o aprendizado necessário;

Não é Terapia – o trabalho de algo não resolvido do passado, deve ser trabalhado com o profissional competente para tal. No Coaching, observamos o hoje para chegarmos ao futuro objetivado.

Cada uma dessas atividades tem grande importância e devem ser usadas em função da necessidade de cada cliente. Aqui colocamos, não como desvalorização das mesmas, mas como um alerta aos que procuram o Coach, para que saibam até onde o Coach deve agir. Há casos em que profissionais aliam o Coach a outras atividades, mas como disse, depende do projeto de cada cliente.